quarta-feira, 12 de setembro de 2012

A Culpa é das Estrelas - John Green

Bom dia meus amores!

Hoje vou escrever sobre esse livro que meus olhos brilhavam cada vez que via sobre ele nos blogs por ai, faz tempo que não lia um livro tão rápido! Estou me sentindo satisfeita, quase como se eu não precisasse mais ler!

Sinopse: Em A Culpa é das Estrelas, Hazel é uma paciente terminal de 16 anos que tem câncer desde os 13. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.



Ás 02h05min, terminei o livro, embaixo de um céu nublado e com um cigarro aceso diferente do querido Augustus Waters, lendo palavras sinceras e entendendo sobre as escolhas feita nesse mundo, que chega a ser cruel, há muito tempo eu não lia um livro assim. Tão docemente chocante e verdadeiro, tão lindo, sensível e triste.
Confesso que chorei em poucos momentos, não foi um rio de lágrimas, mas o modo como todos eles encaravam as coisas não me deixaram triste e melancólica o suficiente, porque na verdade eu sentia muita admiração por eles. Por todo o amor que eles tinham, pela força de seus pais e amigos.
O que mais me deixava pensativa é que eles não tinham raiva, raiva do câncer, essas coisas, pois eles só queriam viver, teve uma frase no livro em que dizia que até o câncer só queria viver. É triste, mas quase tudo para eles era ter a chance de viver mais um pouquinho.

Entrar no Mundo de Hazel e Augustus, foi me apaixonar constantemente, foi viver a falta de ar que Hazel sentia, sentir a dor do Isaac (amigo dos dois) e sentir todo o processo de Augustus. Eu adoro livros assim.
que podemos sentir o que o personagem sente, porque tem livro que você apenas lê. se é que me entendem.

Resenha:

Hazel Grace uma jovem de 16 anos, pensativa em seu mundo se ela poderia estar com depressão, por apenas querer dormir ler e ver os episódios de sua série. Lia e relia Uma aflição imperial, era sarcástica ás vezes e não aguentava a ideia de frequentar o Grupo de Apoio. Até conhecer Augustus Waters que simplesmente ficou encarando-a, até ele desistir primeiro.

Augustus Waters Tinha 17 anos, com uma perna só, vivia em um mundo de metáforas, e a melhor é ele colocar o cigarro na boca mais não acender, fazendo com que vício não o domine. Não queria ser esquecido após a sua morte, pois achava que todos teriam que ser lembrados depois que morrer.

Os dois começam uma amizade com o filme V de vingança em que a Hazel se parecia muito com Natalie Portman. Hazel se apaixona cada dia mais por Augustus e tem medo de ferir seus sentimentos caso vá embora primeiro, contudo eles vão vivendo cada momento, não como se fosse o último, só vivem!

Adoradores de uma livro Uma aflição Imperial, queria que esse livro existisse, o que no caso foi Hazel que apresentou o Livro a Augustus, é um livro com final perturbante o que faz os dois pensarem o que tinha acontecido com o personagem após o término do livro.

Há também uma viagem do Último Desejo, porém nada foi como planejado, mas foi onde tudo se realizou.

Tem o Isaac que sofre a perda de sua namorada e sofre muito, muito mesmo, por ser deixado em um momento tão cruel de sua vida, e os três são companheiros em toda a trajetória do livro.

Eu queria escrever mais, mas acho que vou fazer um spoiler do tamanho de uma bonde! E o que tenho a dizer é que vale a pena ler esse livro. Que ele é emocionante, que é triste, mas é realidade. Que ele é amor e nos mostra como podemos ser forte até o final.

Sou uma das fãs número um desse livro, desse autor e das estrelas!

Espero que tenham gostado!!!

E ai já leram A Culpa é das Estrelas?

Bjooooos :-)

13 comentários:

  1. Ai, Irinia... Não posso ler esse tipo de livro não! hahaha

    Eu acho que me derreteria de tanto chorar! Adorei sua resenha. O livro parece ser muito emocionante e lindo... Mas ler sobre essas coisas sempre me deixa triste.

    Normal né?

    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah me deixa triste tb.

      Mas esses livros sempre tem alguma moral da história, pra compensar!

      Bjoooos

      Excluir
  2. Todos falam bem deste livro.. eu quero ele... ele é bem pequeno ne??

    Eu j[a dificil de chorar entao ta valendo... nem nicholas eu choro.. s[o uns 2. aksokaos
    Me visita?
    Guilherme Kunz
    www.tematoa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk Ah mais é oque criaram na história dos leitores chorarem é a emoção que o livro traz.

      eu chorei uma vez o resto fico o no na garganta. kkkkkk

      Tem 286 páginas e letras médias. É pequeno e não é. Da pra devorar rápido!!!.

      bjoooos

      Excluir
  3. oi,
    amei sua resenha!!
    aahhhh eu preciso logo desse livro.
    já está na minha lista de desejados

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai menina compra vc vai adorar!

      obrigada!!!

      Bjoooos

      Excluir
  4. Oi!
    Estou louca por esse livro! Enlouquecia na turnê da Intrínseca (que sim, graças a Deus, passou pela minha cidade!) quando a Heloisa, a palestrante, disse que ele foi feito em homenagem a uma garotinha, mas que ela não teve tempo para lê-lo... Só tenho ouvido coisas boas pela Blogosfera Literária e tenho certeza de que irei chorar muito quando finalmente o ler.

    Danielle Reis
    http://blogdaninareis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que turnê foi essa? Ás vezes acho q fico tão por fora rsrsrsrs

      Nossa essa da homenagem eu nao sabia, que legal!!!vou pesquisar sobre isso.

      Já que no livro falam que não adianta ficar indo atrás de histórias reais q não foi baseado em nenhuma pessoa real.

      Chore e se emocione! É isso q os livros nos traz e muita força!

      bjooos Dani

      Excluir
  5. Nossa, só de ler sua resenha já me vieram lágrimas nos olhos. A Culpa é das Estrelas é, sem a menor dúvida, um dos livros mais lindos que eu já li.

    ResponderExcluir
  6. Estou doidinha para ler este livro parece ser otimo e lindo.Estou a um tempâo tentando consegui lo.Adorei a resenha me deixou com mais vontade ainda de ler.

    ResponderExcluir
  7. Irinia, apesar de achar que posso ficar na deprê durante a leitura, eu quero muito ler! Gostei da sua resenha e conhecer um pouco da sua opinião a respeito da leitura do livro. Bjs

    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Fica meio triste porque entramos na vida dos personagen, mas é uma história de garra tb!

      Bjooos

      Excluir

Gostou do post?
Curta , comente e compartilhe!
Deixe seu link e eu retribuo!

Beijos e até a próxima!

Irinia Zachello